24°C 25°C
Salvador, BA
Publicidade

Dia das Mães: 77% dos brasileiros pretendem comprar presentes durante a segunda principal data do ano aos varejistas

O estudo também mostrou que as pessoas buscam por produtos, serviços e promoções a partir de meios digitais e físicos

27/04/2024 às 10h03
Por: Dna de Sucesso Fonte: Assessoria
Compartilhe:
Dia das Mães: 77% dos brasileiros pretendem comprar presentes durante a segunda principal data do ano aos varejistas

O Dia das Mães está chegando, uma data importante para varejistas e consumidores. Dados da Pesquisa Dia das Mães 2024, produzida pela Opinion Box com 2.033 pessoas no Brasil, apontou que 77% dos entrevistados pretendem presentear alguém no Dia das Mães e 11% dessas pessoas planejam gastar mais de R$ 400 em suas compras.

O estudo também mostrou que as pessoas buscam por produtos, serviços e promoções a partir de meios digitais e físicos: 42% em sites/e-commerce, 33% em lojas físicas, 32% em sites de pesquisa, 26% no Instagram e 24% nos aplicativos das lojas, reforçando a importância da convergência entre canais

Hoje em dia, é possível que o cliente faça uma compra online e opte pela retirada em loja física. Com isso, os varejistas têm a oportunidade de explorar a experiência do varejo físico, por isso, valorizar esse momento e apresentar diferenciais ao consumidor pode destacar sua loja dos concorrentes.

Segundo pesquisa da empresa americana de comunicação New Voice Media, 58% dos consumidores afirmam que não voltam a consumir de uma empresa na qual tiveram uma experiência negativa, enquanto que 69% disseram que recomendariam uma marca após uma boa experiência. 

“Algumas das tecnologias que já existem e que facilitam as experiências de compra no varejo físico, como caixas de autoatendimento, computadores e tablets disponíveis para agilizar o processo de busca de um produto num tamanho e cor pré-determinados, são boas estratégias já adotadas por algumas marcas que devem permanecer para aprimorar o atendimento”, explica Juliano Mortari, CEO e fundador da VarejOnline, empresa especializada em tecnologia para gestão de lojas, franquias e pontos de venda (PDV).

Pensando nisso, o especialista listou algumas dicas que os varejistas podem aplicar para atrair consumidores e se destacar dos concorrentes:

Atenção à geração Z 

Os comportamentos da geração Z em relação às compras, que a difere de outras gerações, uma vez que eles levam em consideração a reputação das marcas e o consumo consciente. Outra característica geracional importante é a impaciência dos que nasceram depois de 1995, que pode servir de alerta aos varejistas que ainda não investiram em melhores logísticas nas etapas de pagamento e/ou burocracia de seus sites e lojas físicas, no intuito de torná-las mais rápidas e coesas. 

Aproveite o PDV de forma inteligente

Trata-se do ponto central das lojas e onde ocorerrá toda a experiência de compra. Por meio de inteligência artificial e monitoramento das lojas, é possível coletar dados para melhor disponibilizar os produtos no estabelecimento e torná-lo mais atraente.

Nesse momento é importante levar em consideração tudo que o consumidor passa dentro de uma loja, ou seja: vitrine, disposição dos produtos, atendimento, estoque, formato de compra, atendimento dos vendedores, fila dos caixas, formato de pagamento, etc. 

“Dados são informações, e informações são um capital extremamente importante em qualquer negócio. Através da análise de dados podemos ter noção dos produtos mais buscados numa loja física, prevendo tendências e podendo alavancar o interesse dos consumidores pela marca”, explica Mortari.

Invista no omnichannel

A convergência entre o online e o físico é o caminho mais promissor para os resultados do varejo. A tecnologia do omnichannel permite que o varejista esteja presente em mais de um canal de venda e proporcione uma experiência diferenciada para o consumidor, explorando as tecnologias disponíveis e planejando estratégias multicanais.

Ofereça diferentes formas de pagamento

Hoje em dia, pagamento por cartão de crédito ou dinheiro, nem sempre são as primeiras opções dos consumidores. Pagamentos por Pix e QR Code estão cada vez mais popularizados.

“Sua facilidade de uso torna as compras mais rápidas, logo o fluxo da loja fica mais fluído. As transações via pix também oferecem taxas menores comparadas a outras formas de pagamento, sendo mais vantajoso para os lojistas”, explica Mortari. Apesar do Pix ainda não ser muito popular no varejo físico, a expectativa para este ano é de alto crescimento desse meio de pagamento no setor.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Salvador, BA
27°
Tempo limpo

Mín. 24° Máx. 25°

28° Sensação
6.66km/h Vento
62% Umidade
100% (4.08mm) Chance de chuva
05h56 Nascer do sol
05h23 Pôr do sol
Qui 25° 23°
Sex 25° 24°
Sáb 25° 24°
Dom 24° 22°
Seg 25° 23°
Atualizado às 12h51
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,48 +0,83%
Euro
R$ 5,98 +1,11%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,57%
Bitcoin
R$ 372,150,00 -0,95%
Ibovespa
129,205,00 pts 0.07%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Lenium - Criar site de notícias